JORGE SILVA E A SELEÇÃO

 

HOQUISTA REPRESENTA OLIVEIRENSE EM BARCELONA

Marcou 39 golos em 39 jogos ao serviço da Oliveirense em todas as competições: Campeonato Nacional, Taça de Portugal e Liga dos Campeões. Aos 35 anos Jorge Silva sente-se um jovem repleto de energia e vontade de triunfar. O jogador natural de Vila Nova de Gaia notabilizou-se ao serviço do FC Porto, chegou esta época a Oliveira de Azeméis,  conquistou a Taça de Portugal e regressou à Seleção Nacional para vencer a Taça das Nações.

Agora Jorge Silva está nos convocados para o Campeonato do Mundo que vai decorrer em Barcelona. O jogador está motivado por representar Portugal “Depois de estar fora da seleção nas três últimas competições, já não esperava voltar. Mas, com a época que fiz e com a entrada de novos treinadores na seleção comecei a achar que era possível e só posso dizer que está a ser uma experiência fantástica. Já conhecia este grupo de jogadores e agora estamos os 10 da Taça das Nações. Estamos a passar bons momentos com muito trabalho para chegarmos ao nosso objectivo”.


Jorge Silva já conquistou 29 títulos na carreira e é um dos jogadores mais experientes que vai jogar pela equipa das quinas. O avançado sabe que o trabalho na Oliveirense foi determinante para regressar à seleção “É fácil de perceber que, tanto a nível individual como colectivo, fizémos uma grande época. Não escondo que o que fiz na Oliveirense me devolveu a possibilidade de jogar por Portugal. Agora o objectivo é continuar a trabalhar, fazer uma boa prestação na seleção e tentar na próxima época estar ainda melhor na União”.


Há um facto incontornável nesta seleção portuguesa. Os treinadores de Jorge Silva na  Oliveirense são os seleccionadores nacionais: Renato Garrido, Edo Bosch e o preparador físico Nuno Cerqueira. Jorge Silva aborda o tema com muita clareza “Por ser treinado pela mesma equipa técnica é natural que tenha a vantagem de saber como eles pensam. Sei muito bem a linha que eles têm e o que gostam para o jogo. Tento passar as ideias ao máximo para os meus colegas. Estou muito identificado com o trabalho do Renato, do Edo e do Nuno e para mim torna-se mais fácil. Sei que todos os jogadores estão unidos na seleção”.
Portugal está em estágio no Luso onde prepara os jogos do Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins que se realiza de 4 a 14 de julho em Barcelona, inserido nos World Roller Games. Portugal vai estrear-se contra a Colômbia no dia 7 de julho, no dia seguinte joga com a Argentina e dia 9 frente ao Chile.