LIDERANÇA PROVISÓRIA

OLIVEIRENSE GANHOU, SPORTING PERDEU E PORTO TEM 2 JOGOS A MENOS

A Oliveirense colocou pressão nas duas equipas que estavam em 1° e em 2° lugar do campeonato. Venceu em Turquel e aproveitou a derrota do Sporting por 6-5 em Paço de Arcos. Por isso, e como o Porto tem dois jogos a menos, a União soma mais 3 pontos do que Leões e Dragões e depende apenas de si para fechar o campeonato na 2° posição. A Oliveirense espera agora deslizes do Porto para chegar ao desejado título.
O Hóquei Clube de Turquel entrou na pista a saber que estava com a permanência na primeira divisão garantida. Já a Oliveirense procurava a vitória para continuar a ambicionar o título de Campeão Nacional.
Melhor arranque de jogo era difícil de imaginar porque Xavier Barroso abriu o marcador logo no primeiro ataque do jogo realizado em Turquel. A equipa de Renato Garrido e Edo Bosch estava segura em pista e era quem mais se aproximava da baliza adversária.
O 0-2 só viria a aparecer a meio da primeira parte. Pablo Cancela fez o remate certeiro. Muito bem o espanhol que teve frieza na hora de marcar. A equipa da casa acusou o golo sofrido e sentia dificuldades perante uma Oliveirense sempre organizada e concentrada.
O final dos primeiros 25 minutos trouxe mexidas no resultado e muita emoção. O Hóquei Clube de Turquel fez dois golos em menos de dois minutos. André Moreira reduziu e Tiago Mateus empatou o desafio 2-2.
A resposta da Oliveirense foi a ideal. Jorge Silva fez o 2-3 a 3 minutos do final da primeira parte e a Oliveirense saíu para o período de descanso na liderança.
No arranque do segundo tempo viu-se, outra vez, mais União em pista. Pablo Cancela não conseguiu marcar o livre direto mas, sem surpresa, a equipa chegou ao 4-2 por Jorge Silva quando jogava em power play. A claque Charanga da União, sempre presente em todos os desafios da Oliveirense, não se cansava de apoiar os jogadores e entoar cânticos alusivos à equipa.
Sempre com os olhos na baliza adversária, a Oliveirense revelava muita firmeza nas ações defensivas e não dava margem às saídas rápidas do Turquel. Quando a posse de bola estava com a União os jogadores faziam “pista grande” e prolongavam ao máximo os ataques dificultando a tarefa defensiva do adversário.
Triunfo por 2-4 numa pista dificil. O próximo desafio é no sábado dia 25 às 15 horas frente ao Oeiras no Pavilhão Dr Salvador Machado. Co tamos com o apoio de todos para o último jogo do Campeonato Nacional em nossa casa.