FOLLONICA É UMA FINAL

OLIVEIRENSE RECEBE ITALIANOS

Sábado a partir das 17 horas e 30 minutos só há um resultado que interessa à Oliveirense para seguir em frente na Liga Europeia: A vitória! Este desafio é uma “final” que vale a presença nos 1/4 de final da prova europeia de clubes mais importante da época.

Ricardo Barreiros, capitão da Oliveirense, está habituado a grandes momentos e a jogos onde a pressão é alta. Nada que asssute o plantel, até porque a equipa está sempre determinada a vencer “É sem dúvida uma final para nós e para eles, pela necessidade do resultado. A pressão de vencer faz parte do nosso dia a dia. É bom sinal” afirmou Barreiros.

O adversário da Oliveirense soma 9 pontos contra os 6 da União, mas tem uma diferença de golos pior do que equipa de Renato Garrido e Edo Bosch, por isso vencer significa que a equipa está apurada. Mas, é preciso estar consciente do valor do Follonica e ser rigoroso do primeiro ao último minuto “O Follonica é uma excelente equipa, bem organizada e com bons valores individuais. O maior perigo advém do facto de eles se poderem classificar com um empate. Seguramente acreditam nas suas possibilidades e cabe-nos a nós mostrar o contrário” sublinhou Ricardo Barreiros.

A Oliveirense ganhou os dois jogos da Liga Europeia realizados no Pavilhão Dr. Salvador Machado e perdeu os três encontros realizados fora de portas, por isso é necessário o apoio de todos para que a equipa cumpra a meta de chegar à próxima fase onde terá como adversário o Benfica.

Na memória de todos os oliveirenses está o recente desaire contra o FC Porto em jogo do Campeonato Nacional. Mas a equipa sabe reagir a essa adversidade como explica Ricardo Barreiros “A derrota no dragão deixou-nos tristes pelo facto de não termos conseguido a vitória. Não nos belisca a confiança, pois competimos de igual para igual e podíamos ter ganho o jogo”.

Sábado a Oliveirense entra no ringue às 17:30 horas e precisa de muito apoio nas bancadas para poder vencer o Follonica.