VITÓRIA COM CHUVA DE GOLOS

5-3 SOBRE O VISEU

A Oliveirense deixou o último lugar da classificação após a desejada e necessária vitória sobre o Académico de Viseu. O Início de jogo foi complicado para a União devido a um golo madrugador dos visitantes. Aos 11 minutos o Viseu adiantou-se no marcador num contra ataque bem desenhado que foi finalizado com um remate cruzado do lado direito do ataque sem hipótese de defesa para Kadu. Marcou Luisinho.

A reacção da União foi a desejada porque a equipa assumiu o jogo, instalou-se no meio campo do adversário e em menos de meia hora virou o resultado. Depois de ter falhado uma oportunidade clara por Sérgio Ribeiro, a Oliveirense empatou, num lance em que Ricardo Tavares bateu o canto ao primeiro poste e Mathaus saltou sozinho e fez a bola abanar as redes. Apenas seis minutos depois, Agdon consumou a reviravolta, numa grande penalidade após falta sofrida por Diogo Sousa.

No arranque da 2° parte, a atitude de Paraíba valeu o 3-1 porque o brasileiro ganhou uma bola a meio-campo e seguiu isolado em direção à baliza contrária, ampliando a vantagem aos 47 minutos. Apenas 4 minutos depois a Oliveirense aumentaria para 4-1 num lance em que Paraíba assistiu Agdon e após intervenção da defesa a bola sobrou para o oportuno Fati encostar para o fundo das redes.

A vitória pareceia estar no caminho da União, mas a formação do Académico respondeu com o golo de Paná que mantinha a corrida pelo resultado em aberto. Aos 73 minutos, Lucas fintou um defesa, combinou com Gabriel, que assistiu o brasileiro para o 4-3. Passou por alguns momentos de aflição a equipa de Oliveira de Azeméis mas a defesa soube tirar a bola da área e lançar a equipa em alguns contra-ataques. Foi assim que Oliveira lançou Serginho para o 5-3. Não marcou o extremo que estava na direita, aproveitou o outro extremo para fechar o resultado. Fati fez o 5-3 e acabou com a contagem de golos.

O próximo jogo é frente ao Cova da Piedade no domingo às 15 horas.